2° Imbatível de Mtb – Ravelli –

Neste último fim de semana, 16 de Novembro, fui conferir o 2° Circuito Imbatível de Mountain Bike Pague Menos, realizado pelo Ravelli, em Nova Odessa. A grande premiação de 25 mil reais acabou atraindo atletas do Brasil todo para participar da prova.

Fiquei surpresa com a infraestrutura quando cheguei! Havia uma área Vip para a imprensa super bacana, de frente para a largada.

Neste tipo de competição não ganha somente quem for o mais rápido, tem que também ser muito habilidoso! Durante o percurso Pro, tinham vários obstáculos que exigiam bastante técnica para passar e se bobear um pouco era chão na certa.

Para saber um pouco mais sobre como foi o Imbatível,  Sherman Trezza de Paiva, que ficou em 8° colocado e  Ricardo Pscheidt, que conquistou o 4° lugar da elite masculina nos contam aqui mais deste desafio que enfrentaram.

Sherman Trezza de Paiva
“O circuito em relação ao ano passado melhorou bastante, ficou bem mais técnico, bem mais divertido de andar. Isso para a gente do mountain bike é legal, porque seleciona um pouco, o pessoal de ciclismo de estrada tem mais dificuldade para andar nessas partes técnicas. A prova em si estava com nível alto, mais uma vez, com a melhor premiação que a gente tem no Brasil e isso atrai os atletas. Minha temporada está praticamente encerrando, minha prova alvo este ano foi o Brasil Ride que aconteceu na Chapada, há duas semanas. Eu tive uma lesão em abril, então eu dediquei toda minha temporada para o Brasil Ride, por ser uma prova em dupla você compromete a equipe, era uma meta nossa andar bem lá eu e o Henrique, então conseguimos fechar a prova bem, mas cheguei bem desgastado. Foram duas semanas, mais ou menos, para tentar recuperar da prova e eu sabia que aqui não ia chegar muito bem, mas agora é completar a temporada. Daqui eu já vou para o sul e aí já encerro a temporada. Não deu muito tempo para treinar e de agora pra frente é pensar em 2015.”

Ricardo Pscheidt

“Como sempre uma prova extremamente dura, uma excelente premiação. Eu vim de uma grande sequência de competições como Brasil Ride, semana passada disputei o Rocky Man lá no Rio, então eu vim bem desgastado mesmo. Da prova em sim eu larguei em décimo, busquei algumas posições, na metade da prova cheguei a andar em terceiro, uma baita de uma posição, mas acabei perdendo e finalizando em quarto, o que não deixou de ser um bom resultado para mim, foi até melhor do que eu esperava. Foi uma prova bem disputada, muitas trocas de posições, vários atletas andando bem, acho que resumindo é isso. Fiz um quarto lugar bem batalhado e foi melhor do que minhas expectativas.”

 

Parabéns garotos! Show!

Participe comentando 💬

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s